Você está aqui: Página Inicial Campi SJ da Barra Notícias IFF e Dnit se reúnem em Brasília

IFF e Dnit se reúnem em Brasília

— registrado em: ,

Reunião discute segurança e sinalização na BR356, em frente ao campus Avançado São João da Barra. Desde o ano passado, IFF solicita ao DNIT providências.

IFF e Dnit se reúnem em Brasília

Gestores do IFF e do DNIT em reunião.

 Gestores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFFluminense) estiveram reunidos com representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), em Brasília, na terça-feira 28 de julho de 2015.

 O objetivo foi tratar da necessidade de mais segurança na BR 356, rodovia Campos-São João da Barra, em frente ao campus do IFFluminense, no sentido de coibir o excesso de velocidade no local e possibilitar o fluxo seguro de estudantes e servidores.

 “Após a exposição dos fatos relativos à insegurança na BR 356, em especial em frente às instalações do campus, ficou acertado que a superintendência do DNIT do Rio de Janeiro fará uma vistoria no local na próxima quarta (05/08) ou quinta-feira (06/08) para verificar as necessidades e encaminhar as providências imediatas. Na sequência, será desenvolvido um estudo técnico mais aprofundado para a regularização da situação em definitivo”, explica Valter Sales, diretor do campus Avançado São João da Barra.

 A proposta é de que seja instalado um redutor eletrônico de velocidade (pardal), o que pode requerer um tempo de 180 dias. Outra alternativa seria quebra-molas com sonorizador, de forma provisória. “A decisão será tomada a partir do estudo técnico do DNIT, mas levando em conta, também, questões contratuais do Departamento. O local já conta com faixa de pedestre e placas de limite de velocidade em 30km/h, mas não são suficientes para reduzir a velocidade dos veículos”, diz Valter.

 Estiveram presentes em Brasília o secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Marcelo Feres; o reitor do IFFluminense, Luiz Augusto Caldas Pereira; o diretor geral do campus Avançado São João da Barra, Valter Sales; o professor da unidade, Luciano Gomes Ferreira e o estudante João Victor Penha Viana. No Dnit, o grupo foi recebido por Bráulio Fernando Borba Júnior, analista em infraestrutura de transportes; José Ferreira Braga Neto, coordenador nacional de sinalização; e Leonardo Rodrigues, coordenador geral de operações.

 Solicitações: Desde o ano passado, a equipe gestora do IFF-SJB tem solicitado providências ao DNIT local e ao poder público municipal, por meio de reuniões e envio de dezenas de ofícios. A prefeitura chegou a se comprometer com obras de intervenção necessárias no local, tais como recuo nas vias laterais para entrada e saída do campus, abrigo de passageiros e ponto de ônibus.  Sobre o projeto, a Assessoria de Comunicação da prefeitura de São João da Barra informou que, tendo em vista o atual momento de crise econômica, a Secretaria de Obras está trabalhando para viabilizar a execução de parte do projeto, orçado em mais de dois milhões de reais, e que ficou a cargo do DNIT adotar medidas mais emergenciais.

 No último dia 13, foi realizada uma reunião com o superintendente do DNIT no Rio de Janeiro, Fábio Moulin Rocha, quando ficou acertado que o órgão em 15 dias tomaria as providências necessárias com relação ao limite de velocidade na área. “Após o período, fomos informados que ainda não havia as condições operacionais na região para realizar a intervenção, o que motivou o agendamento e realização da reunião em Brasília, nesta semana”, acrescenta Valter.

 O campus São João da Barra conta com 100 estudantes dos Cursos Técnicos de Nível Médio que frequentam a escola diariamente, de segunda a sexta-feira. No dia 09 de julho de 2015, um grave acidente tirou a vida da estudante Fernanda Meirelles. Ela estava com a mãe em uma motocicleta que foi atingida por um carro na saída do campus. Fernanda faleceu no local e a mãe continua internada no Hospital Ferreira Machado, em Campos-RJ.

 

 

IFF nas redes sociais:http://portal.iff.edu.br/redessociais
(Publicada em: 31/07/15)

 



Ações do documento